Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Sweetener

Ser feliz com adoçante!

Sweetener

Ser feliz com adoçante!

04
Jan18

E já é 2018!

Pois é, e eu nem bom ano vos vim desejar. Sou uma desnaturada! Uma tristeza...

 

Mas acredito que compreendam e me vão desculpar. As ausências não têm sido infundadas, garanto. Acredito no entanto que, agora que já lá vão as festas, vou voltar em peso. É hora de recarregar baterias e fazer com que este ano, seja sempre melhor que o anterior!

 

Pondo em dia o que ficou pendente, o Blacky já está em casa. Teve alta no último do ano e tive assim o privilégio de lhe dar todos os mimos possíveis e imagináveis! A inflamação está tratada e agora está de dieta. Uma dieta daquelas rigorosas, que eu também devia fazer!

 

2017 foi um ano muito positivo. Tentei a emigração e descobri que o caminho não era esse. Percebi que embora haja laços, os sanguíneos nem sempre são os mais fortes. Fui finalmente submetida a cirurgia e o resultado é de louvar. O pós-operatório foi maravilhoso e nada doloroso, e tirando um dia ou outro, passou a correr. Comecei o projeto "Morar juntos 2019" com o Doce e o enxoval está num excelente caminho. Encontrei e tenho um trabalho de sonhos, daquele tipo que nos faz andar alegres e contentes, sem sentirmos o mínimo tipo de obrigação. 

 

Agora a 2018, não vou pedir nada. Não peço porque sou eu quem tem que fazer por conseguir o que quero. Quero acreditar que este ano, vou conseguir. Vou acabar de pagar o carro, vou ver o meu contrato ser renovado e vou ter o corpo que sempre quis. Sê bem vindo 2018! 

 

31
Dez16

Balanço de 2016

Apesar de a maioria se queixar do ano que nos deixa hoje, o meu, não foi nada mau.

 

Trabalhei numa sapataria, lugar onde adorei trabalhar, até meados de Novembro, quando optei por me demitir de livre vontade, derivado a uma situação meno feliz. Travei amizades, que se mantêm no presente e bem vivas! Arranjei trabalho logo a seguir, no mesmo restaurante onde trabalhara antes. Mantive o contacto com as pessoas fantásticas com quem tive o prazer de privar na minha curta estadia por terras de sua majestade. Conheci o meu Doce, com quem partilho desde então meses de pura felicidade e alegria. A relação com as Marias mantém-se fantástica. O pai, tornou-se mais presente e conseguiu reconquistar o seu lugar. Tive saúde, e pude viver todos os momentos ao máximo, sem ter de contar tostões.

 

Para 2017, espero mudanças. Mudanças boas, a todos os níveis. Algumas delas, começam já nas próximas semanas, mas ainda não vos vou contar por continuar a ser uma menina supersticiosa!

 

Desejo a todos os meus leitores, aos que me acompanham desde o início, aos que vieram cá parar por engano, aos que me lêem porque me conhecem no dia-a-dia, um excelente 2017. Que encontrem sempre motivos para sorrir, mesmo quando parece não haver alternativas.