Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Sweetener

Ser feliz com adoçante!

Sweetener

Ser feliz com adoçante!

07
Ago21

Quando sorrimos à vida, ela sorri de volta

Que a vida é uma incógnita, todos sabemos. Que nos traz tudo (ou quase) nos momentos certos, também. Que por vezes nem nós sabemos que o momento era o certo e nos revoltamos? Sem dúvida! Mas se pararmos para respirar e fazer aquela introspeção necessária (e fundamental!) percebemos que há momentos que nos pareceram maus mas que estavam camuflados de coisas novas, tão boas e positivas, que até questionamos se as merecemos de facto!

 

Demorei muito tempo a perceber que era merecedora. Merecedora de "sorte", de amor, na sua forma mais pura e genuína. Em todas as áreas desta vida. Demorei demasiado tempo a encontrar o amor próprio, e encontrei-o da forma mais banal e ao mesmo tempo mais incrível possível. Os últimos dois anos da minha vida, têm sido uma montanha russa de emoções mas sobretudo, de evolução! Pasmo-me quando me olho ao espelho e finalmente, sinto orgulho naquilo que sou e me tornei (mesmo que me tenha desleixado, principalmente no exercício físico). Abraço as minhas cicatrizes e estou a aprender a viver com elas. Entender que sem eles, não estaria aqui. 

 

Tenho pena que as minha publicações se tenham tornado um pouco vagas. Além das ausências prolongadas, não tenho revelado/contado muito daquilo que tenho vivido e feito. Das pequenas às grandes coisas, de amores e desamores. Das novas experiências que tenho tido e de algumas que fui buscar ao baú... Gostava de estar a escrever mais do que aquilo que escrevo, mas por enquanto, posso só dizer-vos que finalmente, tudo se está a alinhar. O anonimato ou neste caso, já algumas lacunas nele, fazem com que eu não queira, para já, dizer tudo preto no branco e que saibam de coisas que ainda não quero revelar ao mundo. Espero que compreendam.

 

Votos de um excelente fim-de-semana! E se por acaso, estiveram naquela fase em que nada parece certo, acreditem que a vida, é aleatória e mais cedo ou mais tarde, tudo se alinha! 

 

3 comentários

Comentar post